terça-feira, 1 de novembro de 2016


Isso tem que mudar!!

0
Ai gente, fui na médica segunda e falei com ela que queria muito perder peso e que isso estava afetando a minha vida de uma forma bem significativa, conversamos sobre o meu sedentarismo, a minha falta de tempo e até sobre bariátrica, que eu me enquadro nos requisitos para a cirurgia, porem deveria fazer parte do grupo de acompanhamento por 6 meses até que recebesse a liberação da psicologa para aiiii sim poder operar e que a mudança seria bem drástica, não só no corpo, mas que tudo deveria se iniciar na cabeça, porque não ia mais caber um hambúrguer dentro de mim e eu deveria respeitar isso para que não voltasse a engordar ou tivesse complicações com a cirurgia, ou seja, primeiro eu deveria controlar o olho grande e a ansiedade em relação a alimentação, quantidade e qualidade eram importantes.

A médica solicitou que eu fizesse um diário alimentar de 1 semana e levasse para ela, que junto da psicologa, nutricionista e cirurgião iriam ver como é minha alimentação para começar a pensar sobre operar ou não. Ela até começou a me animar dizendo que ao longo desse processo a maioria das pessoas perdia bastante peso e até desistia da operação e reeducava a alimentação a longo prazo, é isso que eu espero sabe, eu tenho que mudar a minha relação com a comida, pra mim comer bem é comer até encher e GEEENTE, EU SEI QUE NÃO É MAAAAS MEU ESTOOOOOMAGO, NÃO!

Então to nessa de me policiar, esse diário ta me ajudando muito em relação a minha alimentação, estou comendo porções menores e percebendo que o bem estar de não estar entalada é melhor do que mal conseguir respirar de tão cheia. Deeeeeeeeeeeeixa eu contar a parte mais legal!!!! Perdi 2kl, ah nossa é pouco pra quem tem que perder quase 40kl mais já é um começo né?!, Agora nessa tensão do ENEM nem sei se levarei lanchinhos, frutinhas ou barrinha de cereal, quero muito uma nota legal, já tenho uma graduação mas queria tentar a med ou enfermagem.

É complicado pra mim ficar policiando tudo o que como, ainda pior que eu tenho uma visão meio distorcida a meu respeito, EU NÃO ME VEJO GORDA, oi???? É isso ai! eu só vejo gordura em mim nas fotos que tiro, ao vivo, na frente do espelho não consigo perceber nenhum sobrepeso anormal, ta claaaaaro que eu não me vejo magra, não vou ser hipócrita ok?!, mais também não me vejo grande o suficiente como as fotos e roupas mostram, minha auto estima ainda luta nesse corpo. 

Vamos ver se começo a mudar meu ponto de vista a medida que levo esse novo estilo de vida a frente. Já me disseram que uma das melhores formas de perder pedo é se tornar vegana (evitar 100% de coisas e alimentos de origem animal), mas eu A-M-O CARNE, então nem rola né, vou mesmo é ir numa coisa mais light tipo iniciar cortando frituras e açucares, inserindo frutas e saladas como estou fazendo e a medida que for pegando o costume e acostumando o paladar (que não é nada fácil, coxinha continua sendo mais gostosa que alface) aiii sim radicalizo mais meu cardápio, porque eu já fiz o teste de mudar a alimentação do dia pra noite e gente... Imagina uma pessoa deprimida, triste e sem felicidade na vida?? EU naquela época, é horrível mudar do dia pra noite, as coisas precisam ser gradativas e continuas, Lets'go né! 

Fico vendo umas fotos antigas minhas de quando eu era magra e dá uma saudade sabe, meu rosto era tão gracinha, minha barriga, ahhhh tempo que não volta mais porque estria não sai e flacidez vai ser o resultado da minha displicência alimentar de anos, preciso conseguir. 

0 comentários:

Postar um comentário